See Me”, o primeiro original de Xinobi desde 2014, é uma colaboração com o poeta sul-africano Lazarusman e é também um primeiro avanço para o próximo álbum a sair em janeiro de 2017 pela Discotexas.

See Me” foi composta no céu, algures entre a Colômbia e Portugal e, mais tarde, apurada no estúdio mágico da Discotexas sob o absoluto catalisador criativo que é a privação de sono após uma noite de festa e um desconfortável voo intercontinental. É um monumento de hipnose, algures entre a libido da House e o Techno narcótico. Poderoso, misterioso e memorável.

De Joanesburgo vieram as palavras de Lazarusman que, com soberana inteligência, descreve alguém que observa outra pessoa desejando ser observado de volta. Em registo spoken-word emocional, Lazarusman usa a sua peculiaridade enquanto escritor e orador e faz de “See Me” um hino ao platonismo. Este é um daqueles temas épicos que arranca arrepios a qualquer pessoa. 

Comentários