Autêntica lenda do dancehall e artista já premiado nos Grammy Awards, Sean Paul acaba de ser anunciado como 1.º cabeça de cartaz no Sumol Summer Fest, atuando no Palco Sumol dia 1 de julho.

O músico lançou dois singles no final do ano passado: “No Lie”, com a participação de Dua Lipa, e “Tek Weh Your Heart”, com a colaboração da estrela em ascensão Tory Lanez. Os singles sucedem-se à recente parceria de Sean Paul com Clean Bandit no single “Rockabye”, que atingiu o 1.º lugar de vendas no Reino Unido, e ao sucesso global “Cheap Thrills”, gravado com Sia e que foi n.º 1 no top da Billboard e n.º 2 nas tabelas de vendas britânicas.

Sean Paul é sem dúvida uma das vozes mais instantaneamente reconhecíveis na música e ao longo do último ano tem lançado consecutivamente uma série de sucessos, entre eles “Cheap Thrills”, que soma mais de 76 milhões de streams no Spotify e 1,3 milhões de vendas no iTunes. Já “Make My Love Go”, canção de Jay Sean com a participação de Sean Paul, tem mais de 39 milhões de streams no Spotify, enquanto a colaboração do cantor com as Little Mix no tema “Hair” conquistou 25 milhões de streams. “Paradise”, de Matoma & Sean Paul, tem mais de 7 milhões de streams na mesma plataforma.

Em 2002, Sean Paul tornou-se um fenómeno global com o álbum “Dutty Rock”, do qual saíram os singles “Gimme The Light” e “Get Busy”, tendo sido dupla platina nos EUA e Reino Unido, com vendas superiores a 3,4 milhões em todo o mundo. Ao longo da sua carreira Sean Paul trabalhou com alguns dos mais populares artistas do mundo, como Beyoncé, Rihanna, Nicki Minaj, Busta Rhymes, Sai,Kelly Rowland, Enrique Iglesias e 2Chainz, além de ter colaborado com importantes nomes do reggae e dancehall como Damian ‘Junior Gong’ Marley, Chi Chi Ching, Mr. Vegas, Beenie Man, Ding Dong, Future Fambo e Tami Chynn. Além de performer, Sean Paul tem também um trabalho rico enquanto produtor, tendo colaborado com alguns artistas jamaicanos de topo.

“No Lie (feat. Dua Lipa)” e “Tek Weh Your Heart (feat. Tory Lanez)” já estão disponíveis no iTunes e no Spotify.

Comentários