PZ é o peixe fora das águas sul americanas deste Ciclo Máquina de Gelados que atua já esta sexta-feira, dia 18, pelas 22h00, no Theatro Circo.

Agosto começou mais fresco que nunca devido aos dois espetáculos do ciclo Máquina de Gelados que contaram com a brasileira Maria Gadú, lotando o Theatro Circo no dia 4 de agosto para mostrar o seu mais recente álbum “Guelã” e o rapper brasileiro Criolo, um dos mais acarinhados músicos da atualidade, prosador de intervenção e ativista lírico, que pisou o palco do Theatro no dia 11 de agosto, para mostrar “Espiral De Ilusão”, o seu novo disco lançado em 2017.

Agora é a vez do portuense PZ,que surge aqui como o guardião da nova música nacional com a apresentação do seu novo e quarto álbum “Império Auto-Mano”. Depois de ter enviado as “Mensagens da Nave-Mãe” em 2015, eis que surge com novo trabalho para premiar o público do Theatro Circo com uma viagem pela sua pop atípica e de letras e melodias penetrantes.

O Máquina de Gelados fechará mais uma edição aquando da vinda a 25 de agosto de La Dame Blanche, alter-ego de Yaite Ramos Rodriguez, nascida em Cuba e filha de Jesus “Aguaje” Ramos, trombonista excecional que é também o diretor artístico da Orquestra Buena Vista Social Club. Com a sua mistura explosiva de hip-hop, cumbia, dancehall e reggae, a cantora, flautista e percussionista apresenta o seu novo álbum de originais, “2”.

Comentários