Ryan Adams é a mais recente confirmação para a 11ª edição do NOS Alive. O músico atuará no Palco Heineken, dia 6 de julho, primeiro dia do festival.

Conhecido pelas suas múltiplas facetas artísticas, que lhe garantem uma sensibilidade única, Ryan Adams traz a Portugal o mais recente longa-duração, que será apresentado aos fãs já no próximo dia 17 de fevereiro.

Sucessor do álbum de originais homónimo, “Ryan Adams”,  editado em 2014, “Prisoner”, irá contar com 12 canções, todas elas escritas durante o seu processo de divórcio com a atriz Mandy Moore. Neste 15.º álbum de estúdio os fãs vão encontrar sonoridades com vincadas influências do rock dos anos 80. O primeiro single de “Prisoner” poderá ser ouvido aqui.

Fortemente reconhecido pela indústria, Ryan Adams tem vindo ao longo dos anos a ver o seu nome na lista de nomeados do mais importante prémio da indústria, o Grammy, não tendo, no entanto, ainda levado o galardão para casa. Até à data, o músico já produziu álbuns para nomes como Jenny Lewis, La Sera, Fall Out Boy, Willie Nelson, Jesse Malin, e colaborou com artistas como Norah Jones, America, Cowboy Junkies, Beth Orton e mutios outros.

A 10.ª edição do NOS Alive ficou marcada como a mais bem sucedida de sempre, tendo esgotado os três dias do evento, com um total de 165.000 espectadores, feito único no panorama dos festivais desta dimensão em Portugal.

O NOS Alive regressa ao Passeio Marítimo de Algés nos dias 06, 07 e 08 de julho de 2017. Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais.

Artistas já confirmados: Alt-J, Depeche Mode, Foo Fighters, Ryan Adams, The Kills e Warpaint.