Com “Masala” editado e introduzido ao mundo, Jibóia prepara-se para servir o seu mais recente álbum uma última vez em Lisboa.

Percorridos alguns dos palcos mais emblemáticos do país e picados os festivais no verão, “Masala” percorreu Portugal de lés-a-lés e ainda foi em visita para fora um par de vezes. No próximo dia 3 de dezembro, e ainda com os aromas reunidos no seu mais recente LP frescos e intensos, Jibóia leva-os uma última vez a Lisboa antes da sua próxima troca de pele.

O concerto acontecerá no Sabotage, no Cais do Sodré, e as entradas custarão 6€, sendo que o anfitrião serpenteará entre as suas músicas e servirá de timoneiro para o baterista-prodígio Ricardo Martins, com quem Jibóia colaborou em todo o processo de “Masala”.

O mais recente longa-duração de Jibóia, editado em fevereiro pela Lovers & Lollypops, foi gravado nos Estúdios Sá da Bandeira, no Porto, e produzido por Jonathan Saldanha, aka HHY (líder dos Macumbas e colaborador de John Zorn), revelando a pele mais lânguida e enigmática da cobra. A 3 de Dezembro, Jibóia vesti-la-á uma última vez antes de trocar para novas escamas.