Douglas Dare estreia-se em Portugal com um concerto no Theatro Circo (Braga) no próximo dia 12 de maio. O britânico traz na bagagem “Aforger”, o seu mais recente disco.

Douglas Dare, músico nascido no sudoeste de Inglaterra na cidade portuária de Bridport, foi desde criança encorajado a compor musicalmente pela sua mãe, que é professora de piano. Muda-se para Liverpool para continuar os estudos musicais até que em 2013 atraiu a atenção da editora Erased Tapes, casa mãe de artistas como Ólafur Arnalds, Peter Broderick, Nils Frahm ou Lubomyr Melnyk.

Depois do EP Seven Hours, em 2014 lança o seu primeiro trabalho de originais Whelm, com selo da Erased Tapes, acabando por integrar a digressão norte-americana do músico Nils Frahm. Foi também convidado para digressões com artistas como Fink ou Ólafur Arnalds.

O seu segundo álbum Aforger, editado a 14 de outubro de 2016, foi gravado nos renomados estúdios Abbey Road e produzido pelo seu baterista Fabian Prynn. Dotado de um trabalho visual impactante, as melodias de Douglas Dare são obscuras que rapidamente nos transportam para uma introspeção profunda.

Douglas Dare, muitas vezes comparado a músicos como James Blake ou Thom Yorke, marcará a sua estreia em Portugal no majestoso Theatro Circo diante de um público que se já se habitua a assistir em primeira mão a grandes promessas do panorama da música mundial.

Ingressos a 10 euros (Cartão Quadrilátero: 5 euros) disponíveis em www.theatrocirco.bol.pt, na bilheteira do Theatro Circo, lojas Fnac e estações CTT aderentes.

Comentários