“Astral Division”, o primeiro longa duração de Cavaliers of Fun, a banda vencedora da 2ª edição do EDP Live Bands 2015, chega às lojas esta sexta-feira, pela Sony Music Portugal.

“Astral Division”  é um disco de escolhas, de amizades, amores e destinos. Faz-se de caminhos em zig-zag. É mais ou menos assim, como olhar para as estrelas e procurar um lugar no cosmos, uma galáxia secreta, uma missão. Porque tudo é possível nesta viagem, de mãos dadas com a imaginação, onde a canção não tem morada.
Mais que falar há que ouvir, que entender de onde vem tudo isto. São 10 canções, 10 dimensões onde tudo acontece. Basta seguir as coordenadas entre Waves, Wildfire, Astral Division, Deny, Valley of Dreams, Secret Galaxies, Ohio, Passengers, Home e Dimensions. Está tudo aqui!

E para que se fique já a saber, Cavaliers of Fun não são de hoje, nem de 2015. Tudo começou em 2009, há precisamente seis anos, em Londres, onde Ricco Vitali, o percursor da banda, se atreveu a desenvolver aquilo a que chamou de “pop tropical futurista”, embalado por baixos saltitantes e arpeggios italo-disco que nos fazem respirar. A ele, juntou-se, mais tarde, Miguel Nicolau, o copiloto desta nave. A viagem trouxe-os de regresso a Lisboa onde, em 2011, lançam o primeiro EP, “Sharing Space Secrets”, que consideram uma espécie de manual de sobrevivência cósmica. “Camp Cof”, o segundo EP de Cavaliers of Fun, vê a luz do dia em 2013, no mesmo ano em que abrem o primeiro espetáculo dos Imagine Dragons em Portugal, no Coliseu de Lisboa.

De lá para cá, a dupla tem passado pelos conceituados clubes Moroder de Madrid, Razzmatazz de Barcelona, Sala López de Saragoça, Musicbox em Lisboa e ainda por festivais como o NOS Alive, BBK Bilbao, Spiritfest ou Festins.
Entre concertos remisturam os Dragonette, The Teenagers, We Trust, Norton, Britney Spears, Gwen Stefani ou Outkast.

Em 2015 Cavaliers of Fun venceram a 2ª edição do concurso EDP Live Bands e gravam “Astral Division”, o seu primeiro disco que amanhã chega aos escaparates.

Comentários