Alceu Valençao, artista brasileiro que já vendeu mais de 5 milhões de discos e com espetáculos esgotados um pouco por todo o mundo, regressa a Portugal para dois concertos em Lisboa e no Porto.

Alceu Valença, o ícone da música brasileira que já inspirou músicos como Richard Parry dos Arcade Fire que, em 2014, o definiu como “arrebatador”, vai passar por Lisboa a 21 de janeiro no Teatro Tivoli BBVA e depois pelo Porto, a 24 de janeiro, na Casa da Música.

Esta visita a Portugal marca a apresentação do espetáculo Vivo! Revivo! que revisita a trajetória do artista nos seus primeiros anos de carreira e recria no palco o repertório dos discos Molhado de Suor (1974), Espelho Cristalino (1977) e do icónico LP Vivo! (1976), álbum que melhor simboliza a produção criativa de Alceu Valença naquele período de sonhos, metáforas e censura.

A seleção resulta num conjunto de obras que constroem uma relação entre a música do sertão e as sonoridades do pop rock dos anos 70, que, nas palavras de Alceu, compõem “um rock que não é rock”. Alguns dos temas incluídos no alinhamento destes concertos são “Papagaio do Futuro”, “Sol e Chuva”, “O Casamento da Raposa com o Rouxinol”, “Táxi Lunar”, “Anjo de Fogo” e “Espelho Cristalino”, entre outras preciosidades da visionária contracultura nordestina daquela época.

Tivoli BBVA | 21 janeiro 2017
Hora: 21h30
Bilhetes: http://bit.ly/2hZOsLE

Casa da Música | 24 janeiro 2017
Sala: Sala Suggia
Hora: 21h30
Bilhetes: http://bit.ly/2h8AZ2j