Está aqui!
Home > Música > Crítica > The 1975: “I Like It When You Sleep, For You Are So Beautiful Yet So Unaware of It” aka “Eu adoro quando tocas”

The 1975: “I Like It When You Sleep, For You Are So Beautiful Yet So Unaware of It” aka “Eu adoro quando tocas”

1975
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Em 2013 lançaram o seu primeiro álbum de estúdio, homónimo, e se por uns foi bem aceite e apreciado, por outros nem por isso. Gerou controvérsia e dividiu a crítica. Três anos depois os The 1975 aparecem com “I Like It When You Sleep, For You Are So Beautiful Yet So Unaware of It” provando que são capazes de mudar e para melhor.

Tal como no anterior, a primeira faixa intitula-se “The 1975” e já nos faz antever um pouco do que se segue: um álbum, musicalmente, oposto ao primeiro mas bem produzido. Nesta primeira faixa a banda utiliza uma espécie de coro de igreja para narrar um acto de sexo oral e já vemos que a controvérsia vai estar presente neste disco. Esta é a primeira de 17 canções, isso mesmo, cerca de uma hora e quinze minutos de música, que misturam de forma brilhante diferentes géneros musicais, desde o jazz ao post-punk que nos apresentam uns The 1975 musicalmente mais maduros, mais sólidos, com sons que nos remetem de imediato para os anos 80.

A grande maioria do disco é divertido, sem vergonha, sem medos, otimista, capaz de ser resumido por “Love Me” – um tema energético, que aborda a fama, o enorme ego das celebridades atuais e como os jovens de hoje em dia são governados pela futilidade. A prova de que esta mudança está longe de ser um tudo menos um “tiro no pé” é a composição e mistura de sonoridades, desde o funk dançável de “UGH!“, passando pelas repetitivas “She’s American” ou “Paris“, até ao típico house dos anos 80 com “The Sound“.

Se até então tudo isto nos parece uma experiência, um “deixa ver no que isto dá”, há também alguns momentos em que nos apercebemos que há de facto maturidade, evolução a nível musical. A trabalhada “Somebody Else“, com uma composição de linhas de sintetizador fantástica onde há um equilíbrio entre o som eletrónico e a exploração dos dotes vocais de Matty. Esta é a faixa particularmente mais original, que consegue quase que resumir a diversidade do álbum em quase seis minutos.

À primeira audição as canções até nos podem parecer “pontas soltas”, sem nenhuma conexão mas a verdade é que nos remetem para alguns temas do primeiro disco como por exemplo “A Change of Heart“, cujo vídeo nos traz de assalto à memória “Robbers“. Ainda que tentem abordar assuntos mais taciturnos, pensativos como em “Nana” e “She Lays Me Down“, mostra-nos um Healy bastante fragilizado e que trazem até à tona um pouco de inexperiência no que diz respeito à conjugação dos demais géneros, deixando um pouco aquém tendo em conta a restante composição do álbum.

 “If I Believe You“, que vai de encontro com a primeira faixa do disco, liricamente falando, onde é abordado toda uma “pseudo-crença” na religião mas que cujo jazz nos distrai e que a torna capaz de ser inserida em playlists românticas.

Com as canções bem encadeadas, conotadas a outras dos trabalhos anteriores, bem produzidas, à medida que vamos ouvindo, vamo-nos apercebendo da genialidade criativa deste álbum. Se começa com uma introdução digna de um filme, acaba de forma tranquila, um tanto ou quanto banal, que contrasta com o que se tem ouvido até então, com um simples “That’s it”. Se no disco anterior a tristeza, a dor estavam envoltas em tons de preto e branco, em “I Like It When You Sleep, For You Are So Beautiful Yet So Unaware Of It”, o rosa, as cores claras são um claro “cheer up”.

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X