Está aqui!
Home > Destaques > Red Bull Music Academy Culture Clash chega a Portugal

Red Bull Music Academy Culture Clash chega a Portugal

Red Bull
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Depois de Londres, Nova Iorque, Toronto e Milão, Lisboa prepara-se para receber a 20 de outubro a primeira edição portuguesa do Red Bull Music Academy Culture Clash. O conceito é no mínimo revolucionário, com quatro crews a darem o seu melhor cada uma no seu palco. No fim apenas uma sairá vitoriosa do Coliseu de Lisboa, com a decisão a pertencer em exclusivo ao público.

A estreia do Red Bull Music Academy Culture Clash em Portugal está marcada para dia 20 de outubro, num conceito inovador inspirado nos famosos sound clash jamaicanos que já deixou rendidas cidades como Londres, Manchester, Roterdão, Nova Iorque, Toronto ou Milão.

O local escolhido foi o Coliseu de Lisboa, que receberá quatro crews em quatro palcos distintos. A interação com o público é total, ficando nas suas mãos a decisão da vitória: um sonómetro vai traduzir em número de decibéis o entusiasmo com que cada crew é recebida. Daí o lema do Red Bull Music Academy Culture Clash: “Apoia a tua crew. Quem manda aqui és tu”.

As crews convidadas representam diferentes sonoridades e tendências na cena musical portuguesa:

  • Club Atlas é liderada por Branko e conta com parte da família Buraka Som Sistema, RiotKalaf Pongolove que dá a voz ao hit “Kalemba (Wegue Wegue)” e também com o homem da frente dos ex-Da Weasel, Carlão e Fred Ferreira, responsável pela percussão da Banda do Mar.
  • Não é difícil perceber quem controla os destinos da Moullinex Live Machine. Os estimados representantes da etiqueta electrónica Discotexas: Moullinex Xinobi juntam-se a Da Chick, dona daquela voz carregada de funk e do espírito das ruas de Nova Iorque e a The Legendary Tigerman, ou por outras palavras, o deus do rock-de-energia-infinita.
  • Matilha não tem açaime e responde ao finalista do Red Bull Thre3Style 2015, DJ Ride, ao habitual navegador dos charts nacionais, Jimmy P e aos MGDRV, anteriormente Macacos do Chinês e que recentemente se encontraram com DJ Ride no LP “From Scratch”.
  • A crew Batida + Kambas e o Próprio Kota! resulta da ligação íntima entre Portugal e Angola: Batida, o mágico que traz os anos 60 e 70 da música angolana e acrescenta sonoridades atuais; DJ Satélite, com reconhecidos sets de afro-house e kuduru a rolar no Boiler Room; Karlon, o fundador dos Nigga Poison; os detentores dos melhores “moves” de hip-hop André CabralGonçalo Cabral e Bernardino Tavares; e o ícone e promotor desta relação estreita com a música angolana, Bonga.

Quatro forças distintas, cada uma delas com trunfos inegáveis na hora de rockar uma pista de dança com grooves capazes de mover montanhas. A batalha promete ser épica!

ACERCA DA RED BULL MUSIC ACADEMY EM PORTUGAL

Criada em 1998, a Red Bull Music Academy tem uma longa história em Portugal que recua a 2004, com a experiência pioneira — “How To Build a Sound System”: engenheiros do Notting Hill Carnival fecharam-se durante semanas num armazém de Lisboa com músicos e DJs locais e construíram de raiz o primeiro sound system português.

Ao longo da última década muitos produtores e artistas lusos integraram as fileiras da Red Bull Music Academy — de Branko a Violet, de Mushug dos Octa Push a MMMOOONNNOOO. Iniciativas como o LX Taster, o Porto Hub, a programação de inúmeros palcos em festivais, edições e documentários deixaram também uma forte marca. Em 2016 a RBMA viaja até Montreal, entre setembro e outubro, para proporcionar a cerca de 70 participantes de todo o mundo uma experiência única. Entre estes estão os portugueses Ghost Wavvves (André Francisco) e UhAhUh (Guilherme Tomé Ribeiro).

ACERCA DA RED BULL MUSIC ACADEMY

A décima oitava edição da Red Bull Music Academy terá lugar este ano em Montreal, no Canadá, juntando 70 produtores, vocalistas, criadores de batidas, músicos e DJs. Este grupo é convidado para participar em palestras intimistas e colaborar na produção de música de uma forma criativa — tendo por base um complexo de estúdios feitos à medida do evento.

Até hoje mais de 1500 personalidades da música participaram em edições da Red Bull Music Academy. Entre os mentores convidados destaque para Giorgio Moroder, Chuck D, Steve Reich, Sly & Robbie, Bernie Worrell, Mark Ronson, M.I.A., Q-Tip, Hot Chip, MF Doom, Ryuichi Sakamoto, RZA, Stephen O’Malley, Gilberto Gil e os pioneiros dos sintetizadores Bob Moog, Tom Oberheim, Don Buchla, Roger Linn e Dave Smith, entre muitos outros.

Muitos participantes da Academia transformaram-se em referências das suas áreas, como é o caso de Flying Lotus, Hudson Mohawke, o produtor por detrás das batidas de Drake e Kanye West, Russian DJ, produtor e editor de Nina Kraviz, o cantor Aloe Blacc, a cantora mexicana Natalia Lafourcade — que já conta com Grammys — e Katy B.

Desde 1998, a Red Bull Music Academy tem visitado cidades como Berlim, Melbourne, Barcelona, São Paulo, Londres, Cidade do Cabo, Nova Iorque e Tóquio.

O espetáculo tem início marcado para as 21h30 e as portas do recinto abrem uma hora antes. Os bilhetes já estão à venda nos locais habituais e os preços variam entre os 20€ (Plateia pé/ Balcão/ Galeria pé) e os 30€ (Area Plus – acesso a zona reservada no palco + t-shirt oficial do evento + acesso a after-party (local a anunciar)).

 

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X