“Posto Avançado do Progresso” de Hugo Vieira da Silva, chega às salas de cinema francesas a 10 de maio. O filme será apresentado em antestreia em Paris onde está presente, para além do realizador, o produtor Paulo Branco.

Está quase a chegar às salas de cinema de França o filme português “Posto Avançado do Progresso”, realizado por Hugo Vieira da Silva e produzido por Paulo Branco. Antes da sua estreia, já cativou a crítica francesa que até então não parou de tecer elogios.

“Posto Avançado do Progresso” teve a sua estreia mundial no Festival de Berlim, e desde então tem integrado a selecção oficial de vários festivais internacionais. O filme é uma adaptação de um conto epónimo de  Joseph Conrad.

Filmado em Angola, “Posto Avançado do Progresso” é protagonizado pelos actores portugueses Nuno Lopes e Ivo Alexandre, e pelo actor angolano David Caracol. A acção do filme passa-se no final do século XIX, no momento em que dois colonizadores portugueses desembarcam nas margens do Rio Congo para coordenarem um posto comercial de marfim. À medida que o tempo passa, começam a desmoralizar pela sua incapacidade de enriquecer à custa do comércio de marfim. Sentimentos de desconfiança mútua e mal-entendidos com a população local isolam-nos no coração da floresta tropical. Confrontados um com o outro iniciam uma caminhada em direcção ao abismo.

Em França, “Posto Avançado do Progresso” terá estreia em várias salas de cinema nas seguintes localidades: Paris, Nantes, Hérouville-Saint-Clair, Angers, Bordeaux, Grenoble, Lyon, Marselha, Nice e Nancy.

Comentários