Está aqui!
Home > Música > Concertos > Orquestra Jazz de Matosinhos convida Gonçalo Moreira para concerto em Matosinhos

Orquestra Jazz de Matosinhos convida Gonçalo Moreira para concerto em Matosinhos

Gonçalo Moreira
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

No próximo dia 30 de março, o Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery recebe a Orquestra Jazz de Matosinhos e o pianista Gonçalo Moreira.

O pianista de Coimbra, Gonçalo Moreira, é o solista convidado pela Orquestra Jazz de Matosinhos para o sexto concerto do ciclo dedicado aos Novos Talentos do Jazz, dia 30 de Março, às 22h00, no Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery.

Ao vivo, o pianista e a big-band vão interpretar um tema original de Gonçalo Moreira, “Poema à Mãe”; dois temas originais de Carlos Azevedo que remontam aos primeiros anos da OJM, “Does It Matter” e “Pipiwipi”; uma composição de João Paulo Esteves da Silva, “Bela Senão Sem”; o icónico “Zhivago”, de Kurt Rosenwinkel; “Hang Gliding”, de Maria Schneider; dois temas de Jim McNeely, pianista e compositor da histórica Vanguard Jazz Orchestra, “We Will Not Be Silenced” e “Extra Credit”); e ainda “The Orb” e “Arcata”, resultado da recente parceria com o pianista Fred Hersh.

Licenciado pela Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Porto, onde estudou com o director da OJM, Pedro Guedes, e Abe Rábade, Gonçalo Moreira concluiu o curso de Jazz com um recital composto por temas originais, obtendo a classificação de 20 valores. É Mestre em Performance pela Universidade de Aveiro e ao vivo apresenta-se com um quinteto em nome próprio e em projectos como Michael Laurent & The Groove Merchants e  o Septeto de Nuno Ferreira.
Participou nos discos de João Mortágua (“Janela”), Mané Fernandes (“BounceLab”) e Alexandre Coelho Quarteto; e assinou a banda-sonora da peça de teatro “A Lenda da Princesa Peralta”. Em 2011, venceu o segundo prémio na categoria Combo Jazz do Prémio Jovens Músicos.

Recorde-se que o ciclo Novos Talentos, cuja missão é revelar alguns dos melhores solistas da nova geração do jazz português, começou em 2014 e o instrumento eleito foi a voz. Sofia Ribeiro foi a primeira cantora convidada, a que se seguiu, em 2015, Rita Maria. No final desse ano ainda houve tempo para o saxofone de Ricardo Toscano, e 2016 começou com João Mortágua. Com Mané Fernandes as atenções viraram-se para a guitarra, no final do ano passado, e 2017 começa ao piano, com Gonçalo Moreira.

Os bilhetes para o concerto de dia 30 já estão à venda e custam 12,50€ e o espetáculo tem início marcado para as 22h.

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X