Está aqui!
Home > Destaques > MIMO Festival Amarante recebe Manel Cruz, Tinariwen e Nação Zumbi

MIMO Festival Amarante recebe Manel Cruz, Tinariwen e Nação Zumbi

MIMO
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Manel Cruz, Tinariwen e Nação Zumbi são as novas confirmações da 2ª edição do MIMO Festival Amarante. O festival acontece em Amarante de 21 a 23 de julho.

O carismático vocalista dos Ornatos Violeta, Pluto, Supernada e Foge Foge Bandido regressa aos palcos em 2017 com um novo projecto, em nome próprio. Depois de um período dedicado às artes plásticas – outra das suas áreas de intervenção artística -Manel Cruz está de volta com novas canções ao lado dos suspeitos do costume: Edú Silva (baixo, teclados), Nicot Tricot (flauta transversal, teclados, guitarra eléctrica) e António Serginho (percussão, teclados).

O MIMO Festival Amarante recebe, assim, o primeiro concerto de uma pequena série que o músico e compositor dará este verão. Manel Cruz foi convidado a encerrar o festival dia 23 de Julho, e, além das músicas novas, vai recordar canções que se tornaram hinos de uma geração.

Do Mali, vem a banda Tuareg de guitarras formada no final dos anos 70. OsTinariwen actuam dia 21, trazendo o calor do blues do norte de África e “Elwan”, o sétimo disco do grupo, que será editado em Portugal durante o MIMO Festival Amarante. Gravado em França, Marrocos e Califórnia, em 2016, tem sido considerado pela crítica como o melhor álbum do grupo desde “Amassakoul”, lançado em 2004.

O grupo mistura rock, blues e tichumaren, música tradicional do nordeste do Mali associado à luta política do povo Tuareg, num registo original que valeu aos Tinariwen o Grammy para Melhor Álbum de World Music em 2012. O novo disco, assim como o concerto, apresenta canções que meditam sobre ancestralidade, união e companheirismo, impulsionados pelas guitarras contagiantes, hipnóticas e cheias de groove. Participam de “Elwan” o guitarrista Matt Sweeney (Will Oldham e Run the Jewels) e os músicos Kurt Vile, Mark Lanegan (ex-Screaming Trees) e Alain Johannes (ex-Queens of the Stone Age).

Do Brasil, chegam a Amarante, dia 21, os pernambucanos Nação Zumbi, banda referência do rock brasileiro. Na bagagem trazem o décimo álbum, homónimo, que marca o regresso aos originais depois de sete anos de “Fome de Tudo” e conta com a participação de Marisa Monte.

No ano em que se assinalam 20 anos da morte de Chico Science, vocalista e fundador dos Nação Zumbi, o grupo, precursor do Manguebeat no Brasil – e agora composto por Jorge Du Peixe (voz), Lúcio Maia (guitarra), Dengue (baixo), Pupillo (bateria), Toca Ogan (percussão), Da Lua e Tom Rocha (alfaias) – vai revisitar as músicas que ficaram na história do importante movimento, um cruzamento de elementos da cultura regional de Pernambuco, como o maracatu rural, com a cultura pop, sobretudo o rock’n rol, funk e o hip-hop.

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X