“Aurora”, o novo disco dos Melech Mechaya chegou às lojas esta sexta-feira, dia 26. O disco conta com a participação especial de Noiserv, Filipe Melo e Lamari Chambao.

“Aurora” ainda não tinha chegado às lojas e os Melech Mechaya já estavam na estrada a apresentar este novo disco. Editado pela Felmay (distribuição Compact Records) e a comemorar 10 anos de carreira, o 4º álbum do quinteto conta com a participação especial de Noiserv (voz), Filipe Melo (piano) e da cantora espanhola Lamari de Chambao (nomeados para um Grammy Latino em 2012).

O disco foi misturado em Londres por Tony Harris (que trabalhou com grupos como R. E. M., The Verve e Sinead O’Connor) e masterizado por Dave Blackman (Coldplay, Keane, Echo And The Bunnymen, etc.). Os dois primeiros singles, “Un Puente” e “Fado Saltério”, já rodam nas rádios e tiveram uma aceitação notável nas redes sociais.

Os Melech Mechaya são a primeira e mais proeminente banda de música klezmer em Portugal. Com mais de meio milhão de visualizações no YouTube, este quinteto de Lisboa e Almada actuou mais de 350 vezes em 10 países de 3 continentes. A banda trabalhou com artistas como Frank London, Mísia, Amélia Muge, Pedro da Silva Martins (Deolinda) e a companhia de teatro catalã La Fura Dels Baus, a que se juntam Noiserv, Filipe Melo e Lamari de Chambao no novo álbum “Aurora”.

O disco “Aqui Em Baixo Tudo É Simples” (2011) figurou na lista de melhores discos do ano da revista Blitz e foi nomeado para Melhor Disco Instrumental nos Independent Music Awards, tendo figurado durante várias semanas nos topes de rádios dos EUA, Espanha e Portugal. “Gente Estranha”, o álbum editado em 2014, foi considerado o álbum do ano para os leitores da BandCom e atingiu o 3º lugar no top iTunes PT de Músicas do Mundo.

Após mais de 9 meses em estúdio, o novo disco “Aurora” representa o trabalho mais inovador e original dos Melech Mechaya, alargando os horizontes da música klezmer para uma sonoridade única que é só deles.

Comentários