O Manta está de regresso aos jardins do Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, nos dias 2 e 3 de setembro. Capitão Fausto e Thurston Moore, são alguns dos artistas que irão marcar presença no evento comemorativo dos 10 anos.

O Manta é um dos pontos cardeais da programação do Centro Cultural Vila Flor. É com este evento que se abre um novo ciclo, a rentrée da programação. Um momento celebratório e que nos ajuda na difícil despedida do verão, ao trazer a um belíssimo cenário duas grandes bandas.

A 10ª edição do Manta arranca no dia 2 de setembro, sexta-feira, com os Capitão Fausto que sobem ao palco dos jardins do CCVF para apresentar o seu mais recente trabalho. Capitão Fausto são a voz do Portugal contemporâneo. São um dos mais bem-sucedidos projetos do país que, depois de uma primeira erupção no panorama musical, afirmam-se agora de forma irreversível. “Capitão Fausto têm os dias contados”, o terceiro álbum da banda, é um disco sublime que é uma lufada de ar fresco para a cena musical portuguesa. Este álbum, com melodias que são de um pop primoroso que nos fazem viajar para outras décadas, é sinónimo do crescimento e maturidade de um grupo de jovens que dão o passo para a idade adulta.

Antes dos Capitão Fausto tomarem as rédeas do palco, o Manta recebe Valter Lobo, que traz aos jardins do CCVF o seu “Mediterrâneo”, um disco concetual em que o cantautor, sem colocar de parte uma melancolia inata, faz uma reaproximação ao calor humano e ao mundo, na busca de um clima mais ameno e apaziguador, despido de materialismos em que os bens essenciais à sobrevivência são a proximidade com o mar e com aqueles de quem gostamos. Músicas bonitas, a simplicidade majestosa do mar a espreitar a cada acorde. O sol, as ruas, o cheiro a verão que carrega a esperança. “Mediterrâneo” é um disco desprovido de excentricidades, a lembrar-nos que as coisas simples da vida são também as melhores.

No segundo dia, 3 de setembro, o Manta recebe no seu palco o icónico Thurston Moore, fundador dos Sonic Youth, que regressa a Guimarães para um concerto exclusivo no nosso país, desta vez nos jardins do Centro Cultural Vila Flor. Não há muito que possamos dizer sobre Thurston Moore que ainda não tenha sido dito. Os Sonic Youth, banda da qual foi mentor, permanecem tão relevantes e vitais hoje como sempre foram e Moore mostra que o seu entusiasmo em fazer grandes músicas permanece intacto. Thurston Moore vêm ao Manta acompanhado por um conjunto de músicos inigualável, o The Thurston Moore Group. Na bagagem, estes veteranos do rock trazem o segundo álbum, “Rock’N’Roll Consciousness”. Prevê-se uma noite inesquecível, num cenário deslumbrante e, no palco, uma lenda viva do rock.

Antes disso, a noite abre com Alek Rein, nome que começa a ganhar vulto no nosso universo musical e que tem assumido presença nos principais festivais de verão do país. Desde as primeiras gravações caseiras a solo até ao iminente primeiro longa-duração com banda, as canções do músico surgem entre a confissão, o protesto e o sonho, alinhado na tradição do psicadelismo folk anglo-saxónico.

Como já é habitual, o Manta tem entrada livre e convida todas as pessoas a embarcar nesta viagem musical. A 10ª edição do evento promete duas noites únicas, preenchidas de atuações excecionais que perdurarão na memória de todos. Os concertos têm início às 21h30.

Comentários