Os Japandroids passaram pelo NOS Primavera Sound e inundaram o Parque da Cidade com o seu rock. Eles chegaram e conquistaram, assim sem tretas.

O Palco Super Bock albergou no terceiro e último dia do NOS Primavera Sound 2017 alguns dos melhores artistas que passaram pelo Festival. Depois de Elza Soares fazer as delícias da casa coube aos Japandroids fazerem o recinto explodir com o seu rock.

Oriundos do Canadá, Japandroids é a capa que cobre Brian King (voz, guitarra) e David Prowse (bateria, voz) desde 2006 e foi “Near To The Wild Heart Of Life” que os atirou novamente para debaixo das luzes da ribalta.

Este sábado, a dupla veio até à Invicta para nos dar com alma o seu rock festivo com um cheirinho de punk aqui e ali, assente numa base de reverberador, e mais uma vez provaram que afinal de contas duas pessoas conseguem muito bem dar conta do recado e animar uma plateia de milhares de pessoas.

“Yonger Us” e “No Known Drink Or Drug” – esta última parte integrante do último disco – foram alguns dos temas apresentados esta noite e que fizeram o público vibrar ainda com mais intensidade.

A surpresa veio com “North East South West”. King revela-nos que estiveram perdidos durante todo o sábado pelo Porto a gravar o vídeo oficial desta canção e que as filmagens iriam ser complementadas com partes do concerto desta noite.

Este foi o concerto que encerrou a digressão europeia “Near To The Wild Heart of Life” dos Japandroids, que se despediram de nós com muito amor roqueiro com “The House That Heaven Built” e nós com uma onda de aplausos e gritos de apreço.

Para acederes à galeria completa clica aqui.


Texto: Mónica Ferreira
Fotografias: Bruno Ferreira

Comentários