O FEST vai passar pela baixa portuense em jeito de sessão de antecipação nos dias 2 e 3 de junho. O FEST WARM UP PORTO leva uma selecção de curtas-metragens, conversas sobre cinema e uma masterclass sobre distribuição de filmes a vários pontos da cidade. O acesso a todas as sessões é gratuito e a programação incluirá muitas surpresas.

Dia 2 de junho, pelas 13h00, o UPTEC será a casa para um picnic cinematográfico, habitado por cinco curtas metragens: En Parmiddag, de Anton Brandt Thykier, Lux, de Bernardo Lopes e Inês Malveiro, Passenger, de Andreas Kessler, Stephan Kaempf e Daniela Schramm Moura, A Whole in my Heart, de Mees Peijnenburg e Larp, de Kordian Kadziela.

Pela tarde, o Cinema Trindade recupera a tradição das matinés, com a exibição de 6 curtas metragens portuguesas que, pela ficção, documentário e animação, refletem sobre o tema da tradição: Não são favas, são beijocas, de Tânia Dinis / Jorge Quintela, Borda D’Água, de João Viegas e Miguel Cana-verde, Terra, de Pedro Lino, Para Lá do Marão, de José M. Fernandes, Pronto, Era Assim, de Joana Nogueira e Patrícia Rodrigues e Temperar Gosto, de Susana Neves.

O dia encerra com uma masterclass sobre Distribuição de Cinema na Reitoria da Universidade do Porto, orientada por Filipe Pereira, director do Fest. A sessão explora algumas das competências e estratégias chave para a internacionalização de obras nacionais, através do mapeamento do circuito mundial de festivais do sector e da análise de estratégias ganhadoras nos concursos e networking em eventos de grande escala. A masterclass será seguida de uma sessão de cinema ao ar livre de cinema.

Dia 3 de junho, o Warm up do FEST arranca, às 15h00, com uma sessão infantil na Reitoria da Universidade do Porto. No mundo do tudo é possível, surgem 7 curtas-metragens, com avós simpáticas, cães nada-danados e ainda uma retrospetiva (mini, ao tamanho da audiência!) dos trabalhos de animação do realizador Pedro Lino.

Às 19h00, a FNAC de Santa Catarina recebe a exibição de Pronto, era assim, um documentário animado, executado em stop motion e complementado com animações 2D, das realizadoras Patrícia Rodrigues e Joana Nogueira. A sessão será seguida de conversa com as realizadoras.

Fechamos a viagem à Invicta, no Urbano que liga o Porto a Aveiro com partida às 20h55, com uma programação com cerca de 10 curtas-metragens.

Comentários