Está aqui!
Home > Música > Festivais > Do R&B ao hip hop e o NOS Primavera Sound abanou

Do R&B ao hip hop e o NOS Primavera Sound abanou

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

O final de tarde do NOS Primavera Sound 2017 fez-se com o R&B contemporâneo de Miguel e os Run The Justice receberam a primeira noite do Festival com hip hop.

Pois bem, se Samuel Úria e Cigarettes After Sex foram o motor de arranque da tarde NOS Primavera Sound, coube a Miguel e Run the Jewel darem as boas-vindas à primeira noite do Festival.

Se até então o recinto estava a meio gás, mas com gente sempre a entrar, e ainda que meio para o parado, com Miguel as coisas já foram bem diferentes. Pessoas deitadas nas suas mantinhas com as mochilas catitas tradicionais do Festival a servirem de almofada só lá nos fundos. As primeiras filas estavam repletas de gente cheias de energias destinadas a dar tudo por tudo com Miguel.

Ainda que a hora do jantar tenha sido a escolhida para a sua atuação, o que menos faltaram foram pessoas cheias de energias que preferiram adiar a paparoca para assistir ao espetáculo do americano que inundou o Parque da Cidade com Soul, R&B ainda um cheirinho de Funk.

Um fundo adornado por um jogo de cores psicadélico e uma linha de baixo que marca o arranque deste concerto. Medo? Alguém pelo anfiteatro com uma pontinha de medo? Só se fosse de não conseguir não sucumbir às investidas melódicas de Miguel e a sua banda.

Foi de braços abertos que recebemos o anoitecer, acompanhados de “Wildheart”, o último disco do norte-americano lançado em 2015. À semelhança do que se passou em Barcelona, no mesmo festival, não houve ninguém que ficasse indiferente e que parasse por um único segundo.

Carisma, diversão e “Do You Like Drugs?” fazem-nos recuar a 2012. Microfone com franjinhas brancas, casaco de cabedal, camisa toda colorida, um olhar que… mata, explode com “Hollywood Dreams”. Não estávamos em Hollywood, apenas no Porto, ali mesmo à beirinha do mar mas ele foi uma das estrelas da primeira noite do NOS Primavera Sound.

Guitarras, muitas guitarras, muitos solos e este é o local certo para isso. Aqui ninguém se incomoda com estes momentos. Pelo contrário, sabem e gostam de os apreciar. Equiparado a Prince, Miguel, que partilha o primeiro lugar do R&B com Frank Ocean, canta-nos com um sorriso rasgado, de orelha a orelha, “How Many Drinks?”. Entre jogos de sedução, piscar de olhos às primeiras filas, a verdade é que “He’s Got The Love”.

Para acederes à galeria completa clica aqui.

Os Run the Jewel subiram ao Palco NOS ao som de “We are the Champions” dos Queen. Um Parque da Cidade repleto de gente a cantar em plenos pulmões e prontos a dar tudo por tudo com o hip hop dos americanos.

Nasceram em 2013 mas já contam com uma legião de fãs por cá – e por todo o mundo – tornando assim esta atuação no concerto da noite. Killer Mike e El-P e nós, “You beautiful beautiful people” como nos chamam, entram cheios de swag a matar tudo e a deixar o público completamente louco. Moches e mais moches, “RTJ RTJ” entoado pelos fãs e parecia que estávamos no meio de uma manifestação. Por acaso até estávamos. Numa manifestação assumida de hip hop que arrebataria o público presente.

Para quem não conhecia nem era fãs, ficou com o bichinho e assim que começaram a ouvir esta dupla depressa se foram chegando para bem perto do palco para apreciar esta revolução.

Cartazes com “Kill You Masters”, e durante pouco mais de uma hora o NOS Primavera Sound foi verdadeiramente feliz. Mãos no ar, saltos e gritos, tudo, no meio de uma névoa que vinha do público e se estendia pela frente de palco ouve-se “Nobody Speak, Nobody Gets Choked” com o cunho afirmado de DJ Shadow.  “Close Your Eyes (And Count To F**k)”, “Lie, Cheat, Steal” foram outros dos temas que trouxeram até à Invicta.

Declarações quase de amor por nós por parte do balelas El-P, a levar-nos ao expoente máximo. Não conheciam esta dupla? Não faz mal, indiferente não ficaram e uma coisa é certa: ficámos bem quentinhos para os Justice que dariam por encerrada a primeira noite em Matosinhos.

Para acederes à galeria completa clica aqui.


Texto: Mónica Ferreira

Fotografia: Bruno Ferreira

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X