Está aqui!
Home > Cinema > Cinema Medeia Monumental recebe homenagem a John Berger

Cinema Medeia Monumental recebe homenagem a John Berger

John Berger
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

A Medeia Filmes e a Leopardo Filmes organizam uma soirée em homenagem a John Berger na próxima quarta-feira, 11 de janeiro pelas 21h30 no cinema Medeia Monumental.

Deixou-nos esta semana um dos maiores escritores e pensadores do nosso tempo: John Berger. Convidado do Lisbon & Estoril Film Festival em 2015, que lhe dedicou um programa especial, Berger foi, e continua a sê-lo, decisivo para as últimas gerações de criadores (e também de espectadores), tendo-nos guiado, ao longo das últimas décadas, os “modos de ver” a arte e a vida.

Participarão a actriz Catarina Wallenstein e o jornalista Luís Caetano, que lerão textos de John Berger traduzidos para o português.

Veremos ainda um vídeo da sua participação no festival, das suas leituras que se cruzaram com as interpretações de Piotr Anderzewski ao piano e a leitura de um excerto do seu texto “Lisboa” pelo actor João Grosso.

E, a fechar, uma feliz coincidência: a exibição, pela primeira vez em Portugal, do filme The Seasons in Quincy: Four Portraits of John Berger, um projecto de Tilda Swinton e do escritor, produtor e realizador Colin MacCabe, rodado nos Alpes Franceses, onde o escritor viveu mais de 40 anos. Vemos Berger, Nella, a sua companheira, Tilda, as conversas, a casa e os objectos, aquela paisagem poderosa (a primeira leitura de Berger em Lisboa foi precisamente a de um poema sobre um bar nessas montanhas), o seu activismo, a sua delicadeza e atenção constantes para com os outros, a natureza, o mundo.

As estações em Quincy não voltarão a ser iguais. Mas ficaremos sempre com aquele bar, lá no cimo da montanha, onde os pastores e os camponeses vão para se encontrarem à volta de um copo. “In the café two strangers play the accordion / the rain is melting the snow”.

Projecções:

JOHN BERGER NO LISBON & ESTORIL FILM FESTIVAL
Com a participação de Piotr Anderzewski e João Grosso
1h08min

THE SEASONS IN QUINCY: FOUR PORTRAITS OF JOHN BERGER
Realização: Tilda Swinton, Colin MacCabe, Christopher Roth, Bartek Dziadosz
1h29min
VOs em inglês, sem legendas

Bilhetes: 3 euros

*textos traduzidos para o português

JOHN BERGER (1926-2017)

Poeta, romancista, pintor, crítico, ensaísta (sobretudo no campo da arte) e argumentista (trabalhou com Alan Tanner em Jonas que Terá 25 Anos no Ano 2000 e A Salamandra), John Berger é uma figura absolutamente decisiva para várias gerações de criadores e espectadores. Embora a sua vasta obra se tenha desdobrado em várias vertentes, seríamos seguramente observadores, espectadores e pessoas diferentes sem a sua seminal série (da BBC) e livro Modos de Ver. John Berger abriu-nos o mundo da arte e, por extensão, o mundo ele mesmo, como se este fosse um livro, olhando para a arte e para a vida com uma intensidade quase visionária, como se essa capacidade de ver nos devolvesse um perpétuo presente, um aqui e agora, aqui onde nos encontramos.

Era presença regular nas short-lists do Booker Prize, que venceu em 1972, com o romance G.

Em Portugal estão traduzidos o ensaio Modos de Ver (Edições 70), um livro sobre Dürer (Taschen), e ainda, E os Nossos Rostos Meu Amor, Fugazes Como Fotografias (Edições Quasi), Aqui nos Encontramos e De A Para X (ambos pela Civilização Editora).

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X