Está aqui!
Home > Música > Festivais > Bruce foi o “Boss” do primeiro dia de Rock in Rio

Bruce foi o “Boss” do primeiro dia de Rock in Rio

Bruce
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Texto: Susana Ribeiro

Bruce Springsteen actuou no primeiro dia do Rock in Rio, onde fechou o palco mundo. Numa actuação enérgica e que levou o público ao delírio, o cantor foi convidado para um casamento, chamou uma fã ao palco e deixou-se abraçar pelo público. A grande surpresa da noite foi a presença de Adele que não resistiu a ver o “Boss” no Parque da Bela Vista.

No primeiro dia do festival, o palco mundo foi inaugurado com o Rock in Rio Musical, que comemora os 30 anos de festival e juntou vários artistas em palco. Entre cantores e performers não faltou uma cara conhecida dos portugueses pela participação em Porta dos Fundos, a actriz Thati Lopes que dividiu palco com Isaac Alfaiate, o único actor português a participar na peça.

Pelo palco mundo passou também a banda galesa Stereophonics, que regressa a Portugal três anos depois de actuarem no festival NOS Alive, no Passeio Marítimo de Algés em 2013. A banda conta com 9 discos editados, em mais de 20 anos de carreira.

Quem não poderia deixar de marcar presença no palco mundo são os portugueses Xutos e Pontapés, que fazem o pleno e, em sete edições do festival, actuaram sete vezes. Com músicas bem conhecidas do público, os repetentes levaram a multidão a entoar sucessos como “À minha maneira”, “Maria” e terminar com a icónica “Casinha” que fez os presentes no Parque da Bela Vista cantarem em uníssono.

No entanto, a actuação da noite e a mais aguardada foi a de Bruce Springsteen que entrou em palco a cantar Badlands para cerca de 67 mil pessoas presentes. Entoando êxitos como She’s the One, The River e The Rising entre muitos outros. Num concerto marcado pela proximidade com o público, durante a prestação de Hungry Heart o cantor desceu ao público sorridente pelo qual se deixou abraçar, cumprimentando o público e lendo os cartazes. Num dos cartazes foi convidado para um casamento – com data e local assinalado – e num outro lia-se “F*ck Trump”. Para o palco levou o cartaz que dizia Promissed Land, e em jeito de discos pedidos, foi mesmo a música que se seguiu. O momento alto da noite ocorreu durante Born in the USA onde o mar de gente que inundava o Parque da Bela Vista entoou a música como se de um hino se tratasse. Numa noite de emoções, nem Adele faltou ao concerto do músico. A cantora ficou a assistir ao concerto na housemix, assim como Bill Clinton fez, quando assistiu ao concerto dos Rolling Stones em 2014. Adele está em Lisboa para os concertos que dará sábado e domingo no MEO Arena.

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X