Está aqui!
Home > Teatro > As Raposas vão “habitar” o palco do Teatro Nacional São João

As Raposas vão “habitar” o palco do Teatro Nacional São João

As Raposas
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

As Raposas“, uma peça de Lillian Hellman, conta com um elenco de luxo, onde se incluem nomes como João Perry, Virgílio Castelo, Luísa Cruz ou Pedro Caeiro. A peça tem estreia marcada para o dia 3 de março no Teatro Nacional São João.

É já na próxima quinta-feira, dia 3 de março, que o Novo Grupo/Teatro Aberto leva até ao Teatro Nacional São João (TNSJ), no Porto, uma história sobre três irmãos de uma família de grandes proprietários que lutam por controlar o negócio vinícola familiar. “As Raposas” parte da obra de Lillian Hellman, dramaturga de grande êxito na Broadway e uma feminista que tomou posição contra o nazismo e discutiu política com outros escritores do seu tempo, como Hemingway e Faulkner.

As Raposas” (1939) mantém a intemporalidade das grandes peças dramatúrgicas e traz para os dias de hoje as paixões desencadeadas pela ânsia de poder e de dinheiro. A peça questiona os valores que regem as sociedades globalizadas em que vivemos e revelam as diferentes maneiras de pensar e agir das várias gerações. No combate fratricida, há quem olhe a meios e quem só olhe a fins, quem se adapte ao presente e quem se agarre ao passado, quem vença pela força e quem espere pelo momento certo, quem seja pragmático e quem escute o coração.

A versão de “As Raposas” de João Lourenço e Vera San Payo de Lemos acentua o discurso político das famílias de elites financeiras, o microcosmos da sociedade, que “devoram tudo” e que querem sempre mais (como as raposas?). No entanto, para a personagem interpretada por João Perry – que regressa à peça 50 anos depois de a ter representado pela primeira vez –, são tão culpados aqueles que ficam a assistir como aqueles que perpetuam os comportamentos prejudiciais à vida quotidiana de cada um de nós.

Do elenco de luxo de “As Raposas” fazem ainda parte nomes como Diana Nicolau, Eurico Lopes, Gracinda Nave, Luísa Cruz – que interpreta o papel que seduziu atrizes como Bette Davis e Elizabeth Taylor –, Marco Delgado, Pedro Caeiro, Sofia Cabrita e Virgílio Castelo. A peça, estreada em junho do ano passado, está em cena até dia 13 de março e pode ser vista às quartas-feiras, às 19h00, de quinta-feira a sábado, às 21h00, e no domingo, às 16h00. O preço dos bilhetes varia entre 7,50 e os 16 euros.

Comentários
Top

Este site utiliza cookies próprios e da Google para personalizar conteúdo e anúncios, funcionalidades de redes sociais e análise de tráfego. A informação contida nestes cookies pode ser partilhada com os nossos parceiros fornecedores das funcionalidades descritas atrás. Ao navegar neste site, estará a consentir a utilização destes cookies. Saiba mais sobre o uso de cookies.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

X